Aconteceu no SINESP

A liminar foi concedida pelo juiz da 14ª Vara da Fazenda Pública, sustando escolhas para Diretor e Supervisor marcadas para serem realizadas dias 18 e 21 de novembro.

O mandado de segurança foi impetrado por uma concursada aprovada e preterida na comprovação de cotista, motivo pelo qual foi desclassificada. Se sentiu prejudicada e entrou com o processo, acatado pelo juiz.

A SME ainda não recebeu a notificação judicial, segundo informou ao SINESP, devendo impetrar recurso assim que o fato ocorrer.

Representante sindical dos Gestores Educacionais, o SINESP empreendeu luta constante junto a SME tanto pela realização como pela chamada dos concursados.

Da mesma forma, continuará acompanhando o processo, informando os interessados e tomando todas as medidas administrativas, políticas e judicias que forem necessárias para garantir a escolha.   

Adicionar comentário


0
0
0
s2sdefault