Aconteceu no SINESP

DiadoServidorAmigas e Amigos, Servidoras Públicas e Servidores Públicos:

Nesta data, comemorada desde 1937, dedicamos momentos de nossa reflexão à mais justa das homenagens às mulheres e aos homens que escolheram como missão de vida, dedicar seu trabalho cotidiano, seus conhecimentos técnicos, suas experiências profissionais e seu engajamento político e social à nobre tarefa de prestar serviços à sociedade.

É motivo de orgulho conviver diariamente com aquelas e aqueles que optaram pela ética, ao invés do oportunismo, pela dedicação, em lugar de levar vantagem em tudo, pelo comprometimento, em vez do desinteresse, e pela responsabilidade, em detrimento da inércia.

País algum sobrevive nem governo algum exerce seu papel sem o corpo de servidores, que assumem os valores mais sublimes nesta Nação com a consciência de seu papel de Agentes do Estado, em seu labor diário nas diferentes esferas da Federação.

Deveria ser claro para todos os Cidadãos deste País que nenhuma das obrigações do Estado Brasileiro, configuradas na Constituição Federal, se concretizaria para nosso povo, nas áreas sociais, na Educação, na Saúde, na Segurança e na Assistência Sociais, na Habitação, na Salubridade ou na Justiça, sem a atuação firme e abnegada de Servidoras e Servidores Públicos.

Mas o que temos visto, com profunda indignação, são tentativas de jogar o preço de políticas irresponsáveis, injustas e discriminatórias de Partidos Políticos e de Governantes nas costas (e nos bolsos) daquelas e daqueles que, quase sempre de forma anônima, zelam pelo bem público, em benefício de todos.

Temos visto arrochos salariais, atrasos de vencimentos, desvios de função, diminuição de pessoal, discriminações a Aposentados e Pensionistas, propostas para impedir a aposentadoria e reduzir proventos, tentativas de contingenciar as verbas dos programas oferecidos à população mais carente.

E, apesar de tudo isso, o Serviço Público se mantém de cabeça erguida, fazendo dos locais de trabalho ambientes amenos e cordiais, mais alegres e humanos, com menos burocracia e com aperfeiçoamento das atividades para fazer sempre substancial diferença na qualidade dos serviços prestados à população.

Esse dia é dedicado a essas pessoas especiais, que não deixam que as lutas e dificuldades profissionais e pessoais afetem o resultado final de seu trabalho e que estão sempre com disposição para aprender e ensinar.

É dia de “esperançar” que os Executivos e Legislativos tenham a hombridade de enfrentar o Capital e Mercado e a sensibilidade de lançar outro olhar a quem trabalha e a quem sofre com os desmandos de seus pares.

É dia de testemunhar e cumprimentar.

Mas também é dia de agradecer, respeitar e retribuir.

Diretoria do SINESP

Adicionar comentário


0
0
0
s2sdefault