Aconteceu no SINESP

PrevO Projeto de Lei 621/16, que cria Previdência Complementar no Município, o SAMPAPREV, foi reapresentado pelo ex-prefeito Haddad no dia 28/12/16, contrariando o compromisso de arquivá-lo para ampla discussão com as Entidades representativas dos Servidores Públicos.

O SINESP já enviou ofício ao Prefeito João Dória pela retirada do PL, considerando inoportuna sua tramitação conjunta com a Reforma da Previdência no Congresso.

Reafirmou também a necessidade de ampla discussão e negociação com as Entidades Municipais sobre questão que afetará de perto os Servidores.  

A leitura do PL 621/16 foi feita na primeira sessão da Câmara em 2017.

O SINESP combaterá mais esta tentativa de impor a Previdência Complementar aos Servidores do Município e já mobiliza sua base para ações na Câmara Municipal, junto às lideranças partidárias.

Comporá também ações conjuntas com o Fórum de Entidades Representativas, buscando a união de forças para que os Servidores sejam ouvidos e tenham seus direitos preservados.

Comentários   

# Marilda 19-03-2018 16:35
Como é possível retirar direitos de aposentada depois de 13 anos?
Responder | Responder com citação | Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

0
0
0
s2sdefault