Aconteceu no SINESP

Aposentados estão recebendo ligações telefônicas para fazer prova de vida online com argumento de que é devido à pandemia. SINESP adverte: cuidado, é golpe!

Na mais recente investida, golpistas ligam para aposentados do Serviço Público e do INSS dizendo que, devido à pandemia, estão entrando em contato para atualizar dados e fazer a prova de vida. 

Os esteionatários possuem várias informações da pessoa em mãos, e com bastante segurança na voz, se identificam como funcionários do órgão responsável pelo benefício do aposentado ou pensionista e pedem o envio de uma cópia de documento com foto por mensagem de WhatsApp, para finalizar o processo.

É o suficiente para armar o golpe e conseguir movimentar valores na conta do aposentado.

Por isso é preciso muita atenção, pois o prejuízo pode ser grande. Se receber esse tipo de ligação, desligue e não forneça nenhuma informação. Entre em contato ou compareça ao seu Instituto de Previdência e/ou a sua agência bancária para esclarecer a situação.

As Declarações de vida (recadastramento) e de Família devem ser feitas anualmente pelos aposentados da PMSP.

Clique AQUI e saiba como fazer suas atualizações e não ter o pagamento do benefício suspenso. Se persistirem dúvidas, o telefone do COGEP para saná-las é 3158-3500.

A cada dia mais golpes

Os vários e recentes casos de vazamento de informações e ataques hackers são parte do crescimento dos golpes facilitados pelo acesso a dados das pessoas por bandidos que almejam tirar dinheiro das vítimas.

Embora as medidas de segurança avancem, os mal intencionados acabam encontrando meios de roubar dados colhidos por empresas, bancos, órgãos governamentais, aplicativos diversos e redes sociais.

De posse desses dados, entram em contato com as vítimas para conseguir a informação ou o documento que falta e aplicar o golpe.

É preciso estar sempre muito atento. Fornecer dados por telefone, whatsapp, email ou redes sociais é sempre perigoso e precisa ser feito com cautela e com as medidas cabíveis de segurança.

SINESP oferece formação em segurança digital

O mundo corporativo vive uma fase de grande de colheita de dados (big data) promovida pelas redes sociais, sites e aplicativos especializados, de busca e e-commerce através de algoritmos cada vez mais poderosos, sofisticados e detalhistas.

E também por medidas mais simples como o pedido do CPF do cliente nas farmácias e outros comércios, para configurar o padrão de consumo das pessoas e tirar outras conclusões a serem utilizadas pelas marcas. Já é comum redes sociais, como o Facebook, usarem esses dados para vender anúncios.

Junto com isso crescem os golpes. E a necessidade de aprender sobre big data e dataísmo, fraudes digitais, segurança contra elas, proteção de dados nas diversas plataformas (smartphone, computador, tablet).

Para apoiar os filiados, o CFCL-SINESP promove cursos voltados à segurança digital, proteção de dados e da identidade digital e organização de arquivos, documentos e dados nas nuvens.

Atenção às próximas turmas. Obter essas informações e se capacitar para a realidade digital é uma necessidade premente.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

0
0
0
s2sdefault