SINESP, unido ao Fórum das Entidades, avança na luta contra o PL 621/16

Aconteceu no SINESP
TIPOGRAFIA

Os Sindicatos que compõem o Fórum das Entidades Sindicais dos Servidores Municipais mantêm a união da categoria na luta para barrar a reforma da Previdência Muicipal.

Não à reforma da Previdência Municipal

PL 621 Retirada

A luta não para! O Fórum das Entidades compôs comissões que estão alertas e encaminhando ações pela retirada do PL 621/16.

A Comissão de Acompanhamento Parlamentar participa dos encontros do Colégio de Líderes e das Comissões na Câmara. Também visita os vereadores para aprofundar o debate sobre a previdência e o PL 621/16 e solicitar apoio para a retirada do projeto da Câmara.

A Comissão de Produção de Dados oficializou pedido ao TCM de dados e projeções do IPREM e da Previdência Municipal. O objetivo é ter acesso à base de dados usados pela prefeitura em seus cálculos, entender como seus técnicos e secretários chegam às conclusões que divulgam em lâminas de power point e saber quais são as inconsistências apontadas pelo Tribunal de Contas.

A Comissão de Comunicação elabora materiais impressos e digitais que apresentem um histórico da luta e dialoguem com a categoria sobre a greve. Também organiza argumentos para discutir e rebater a propaganda da PMSP junto à sociedade, de dificuldade financeira e necessidade imperativa da reforma.

O SINESP mantém firme a posição da categoria pela retirada do PL

Esse PL está baseado em equívocos e dados inconsistentes, como apontou o TCM, confisca parte dos salários, destrói a carreira e o direito à aposentadoria, favorece bancos e empurra os Servidores para a previdência privada.

A exigência da retirada foi definida em assembleias dos Gestores Educacionais e será defendida pelo SINESP, pois evidencia que nossa categoria não aceita essa reforma.

RETIRA JÁ!!
No SINESP NÃO TEM ARREGO!

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar