ROTEIRO PARA O 1º ENCONTRO DE ESTUDOS LITERARIOS E PARA O 1º ENCONTRO DAS ATIVIDADES DE TEATRO

Academia Estudantil

ROTEIRO PARA O 1º ENCONTRO DE ESTUDOS LITERÁRIOS E PARA O 1º ENCONTRO DAS ATIVIDADES DE TEATRO

 1 - Realizar o 1º Encontro dos Estudos Literários, logo após o Projeto ter sido homologado pela DRE, focado no acolhimento aos acadêmicos, apresentação do grupo, reconhecimento do espaço de leitura, início de conversa (explanação muito breve sobre como acontecerão os encontros de literatura e de teatro, quem serão os coordenadores, onde acontecerão os encontros), apresentação do Projeto pela Internet, selecionando vídeos, divulgando blogs, o Portal da SME (www.portal.sme.sp.gov.br) e reportagens. Atenção: a reunião toda deve ser elaborada com muito carinho, com o objetivo de cativar os participantes; usar e abusar da criatividade, utilizar dinâmicas de grupo para descontraí-los e preocupar-se em integrar os alunos de todas as faixas etárias (não apenas os pares, mas todos). Obs: Os coordenadores das atividades de teatro podem sugerir atividades interessantes aos coordenadores dos estudos literários, uma vez que não se pode garantir que eles possam estar presentes, o que seria ideal nesse primeiro momento, excepcionalmente.

2 – Após a realização do 1º Encontro dos Estudos Literários, na mesma semana, realizar o 1º Encontro das Atividades de Teatro, focado no acolhimento aos acadêmicos, apresentação do grupo, reconhecimento do espaço, início de conversa (explanação muito breve sobre como o teatro será relacionado com a literatura, atendendo aos objetivos do Projeto, nas interpretações dos textos e nas encenações que acontecerão no dia da fundação, nos Seminários, na Semana de Arte Moderna e em outros momentos especiais, em outros eventos.) Atenção: a reunião toda deve ser elaborada com muito carinho, com o objetivo de cativar os participantes; usar e abusar da criatividade, utilizar dinâmicas de grupo para descontraí-los e preocupar-se em integrar os alunos de todas as faixas etárias (não apenas os pares, mas todos). Os coordenadores das atividades de teatro podem, desde o 1º encontro, começar a desenvolver os jogos teatrais, os exercícios de improvisação, cuidando para que esses encontros sejam essencialmente práticos.

ROTEIRO PARA OS ENCONTROS LITERÁRIOS E ENCONTROS DAS ATIVIDADES DE TEATRO SUBSEQUENTES (DO 2º ENCONTRO EM DIANTE)

1 – A partir do 2º Encontro dos Estudos Literários, toda a atenção do coordenador dos estudos literários será voltada para que os acadêmicos tenham condição de escolher o seu amigo literário. Repertoriar os acadêmicos, apresentando a eles autores variados, de maneira envolvente, utilizando livros, vídeos, músicas etc, fará com que, em pouco tempo, os alunos se apaixonem, de maneira especial, por algum deles, e iniciem, então, a etapa seguinte: elaboração da                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                             “Pasta do Acadêmico”, seu primeiro trabalho de pesquisa.

2 – A partir do 2º Encontro das Atividades de Teatro, o coordenador das atividades de teatro dará continuidade ao seu planejamento específico, relacionado com as artes cênicas, visando a criar uma atmosfera de encantamento, por meio das atividades propostas, cuidando para que, aos poucos, todos diminuam a inibição, procurem articular mais claramente as palavras e se aventurem a criar, improvisar, opinar, interagir, atuar. A partir do momento em que os acadêmicos começarem a apresentar para o coordenador das atividades de teatro o excerto da obra do amigo literário, que escolheu para sua apresentação na posse, uma parte do encontro seguinte deverá ser reservada para a leitura compartilhada do texto, para a interpretação desse texto em grupo, para breve encenação e utilização de objetos e recursos, para ilustração.