Aconteceu no SINESP
TIPOGRAFIA

A Secretaria Municipal de Educação, ao publicar o calendário de atividades 2020, feriu a autonomia dos Conselhos de CEI/Escola/CIEJA e o Conselho Gestor do CEU.

A minuta, encaminhada às entidades sindicais em exíguo prazo de tempo para devolutiva, foi analisada pelo SINESP.

O Sindicato questionou a SME por considerar que houve desrespeito na fixação de datas para Reuniões Pedagógicas e na desconsideração total das peculiaridades e necessidades locais das Unidades Educacionais.

A própria Normativa 38/19, que trata do calendário de atividades, indica que: “As Unidades Educacionais da Rede Municipal de Ensino, com a participação da Comunidade Educativa, deverão elaborar suas propostas de Calendário de Atividades – 2020”.

Claramente, a SME coloca uma diretriz que desrespeita a normativa, atingindo a Gestão Democrática dos colegiados das Unidades.

O SINESP, além de ofício retomando seu posicionamento, reafirmará na reunião setorial de novembro de 2019 sua manifestação de repúdio ao engessamento do calendário e ao fato da SME novamente fazer uma escuta que não considera os apontamentos feitos pelo Sindicato.

Comentários   

#3 Cátia Haerbe Gaia 26-11-2019 12:52
Onde está a democracia na Secretaria de Educação? Fiquei indignada com essa atitude deles.
Citar
#2 Gisele Azevedo Garci 25-11-2019 19:20
Além de tirar o direito ao recesso dos gestores e quadro de apoio
Citar
#1 Andrea Steinvascher 25-11-2019 18:44
O recesso é tão curto que não cabe nem 10 dias de férias para os ATE's. Ou eles perdem o feriado ou a gente começa às aulaulas sem funcionarios. RP em ponte de feriado mostra que tudo bem se faltarem... Não é importante. Parece pais colocando crianças de castigo.
Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

0
0
0
s2sdefault