8 de março - DIA INTERNACIONAL DA MULHER

SINESP programou atividades culturais, formativas e de estética para marcar a data

O Dia Internacional da Mulher é uma das datas mais importantes do ano. Tem de ser valorizado e aproveitado para promover o debate, a conscientização e a mobilização para uma mudança de paradigmas.

Afinal, ainda convivemos com a discriminação e o sexismo. As diferenças aparecem nas ocupações de postos de chefia e direção, ainda majoritariamente masculinos; nos salários menores ganhos pelas mulheres; na violência doméstica, social e sexual; no feminicídio (assassinato de mulheres), entre outras mazelas como os estupros e a dupla jornada de trabalho.

As atividades que o SINESP programou visam a suscitar o debate sobre a condição feminina, mas também agraciar as mulheres com alguns cuidados, que elas merecem.

8MarcoAtividades 

Palestra: História do Feminismo, do 8 de março e a situação da mulher hoje

Serão abordadas a construção social das diferenças entre homens e mulheres, a história do feminismo (com suas diferentes vertentes) e do 8 de março, as conquistas obtidas pelo feminismo, a necessidade do feminismo e as relações entre homens e mulheres hoje em dia, as diferentes formas de violência contra a mulher, e as bandeiras e reivindicações dos atos do dia 8 de março atualmente.

Palestrante: Mariana Luciano Afonso é psicóloga e cursa doutorado em Psicologia Social na USP. Atua como professora no ensino superior. Como pesquisadora, tem se dedicado a estudar questões relacionadas a gênero, desigualdade social e movimentos sociais. Realizou pesquisas com mulheres do MST, mulheres em situação de prostituição e movimentos sociais feministas, entre outros.


Cine Debate com o filme "Tomates verdes fritos"

É um filme delicado, que aborda com sutileza alguns assuntos potencialmente controversos. O diretor Jon Avnet entrega uma história cativante sobre amizade, amor e, acima de tudo, coragem para enfrentar os nossos medos e o preconceito da sociedade em que estamos inseridos.

Debatedora: Rosangela Ferreira Borges - Professora, jornalista e pesquisadora com Pós-doutorado em Linguística; Drª em Ciências Sociais/Antropologia, Mestre em Ciências da Religião.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar