Secretaria de Gestão recebe aprovados em Concursos da Prefeitura de SP

Aconteceu no SINESP
TIPOGRAFIA

O SINESP participou da Reunião sobre chamada de Concursos, no dia 1/12, reafirmando a importância e a defesa do Concurso Público como forma de provimento dos Cargos de Gestores Educacionais! Autorização de chamada está próxima de ser publicada no DOC, segundo a Gestão. 

O SINESP esteve presente na reunião promovida no final da tarde do dia 1 de dezembro de 2017 pela Secretaria Municipal de Gestão para tratar da chamada e realização de Concursos na Cidade de São Paulo.

A reunião foi conduzida por Marcel Felices, da Assessoria de Relações de Trabalho, com o apoio de Lucas Ambrosio, do Departamento de Gestão de Carreiras.

O SINESP foi representado pelo Assistente de Diretor do CEI Jardim Copacabana e Dirigente Sindical Christian de Mello Sznick, juntamente com representantes aprovados no Concurso de Acesso para Diretor de Escola e Supervisor Escolar, além de outras entidades sindicais e aprovados nos concursos para AGPP, Bibliotecário, Analista de Desenvolvimento Social, Geólogos.

A reunião, decorrente da 2ª Audiência Pública sobre o tema realizada, no dia 31 de outubro de 2017, tinha como expectativa a apresentação de um cronograma de chamadas dos diversos Concursos Públicos da Capital.

O Assessor Marcel começou a reunião desculpando a ausência do titular da Secretaria de Gestão Paulo Uebel e do Secretario Adjunto Executivo Claudio Costa, que encontravam-se em outros compromissos. Foram os próprios Secretário e o Adjunto que concordaram com a realização da reunião.

Após explanação sobre os estudos que a Prefeitura vem fazendo sobre a necessidade de recomposição dos quadros de servidores versus a questão orçamentária, apenas uma repetição requentada de falas já realizadas em diversas outras ocasiões, os presentes manifestaram a situação caótica do Munícipio com servidores fazendo desvio de função no Serviço Funerário para cobrir total falta de servidores, bibliotecas fechadas ou funcionando em estado precário, funcionários comissionados sendo contratados para postos que deveriam ter servidores efetivos.

O Dirigente Sindical Christian questionou qual a real valorização almejada pela Gestão Dória: falta de servidores e a grande demanda de trabalho existente, exemplificando sobre os Supervisores Escolares que desde 2007 não tiveram seu quadro ampliado ao passo que o número de unidades supervisionadas só ampliou. É função exclusiva do Supervisor Escolar as tarefas de acompanhamento das Unidades Educacionais da Rede Direta, Escolas particulares de Educação Infantil e a Rede Parceira, que tem nos últimos tempos sido ampliada. 

Os gestores tem tido também aumento de desgaste, adoecimento (como o Retrato da Rede vem apontando nas questões de saúde). Marcel argumentou sobre melhoria das perícias médicas, sendo na réplica questionado por Christian que a Prefeitura tem olhado o final, a consequência e não busca investir na melhoria das condições de trabalho e chamada de concursos para provimento do serviço público.

"A falta de adoção de medidas sérias de valorização tem trazido um aumento do impacto financeiro na Prefeitura e tem denotado falta severa de planejamento por parte da Secretaria Municipal de Gestão" rebateu Christian . 

O assessor Marcel informou que em breve será realizada uma pesquisa, começando pelos AGPP que tiveram 1/3 dos últimos ingressantes solicitando exoneração.

IMG 2318

 

VINCULAR CHAMADAS DE CONCURSOS COM MUDANÇAS NA PREVIDÊNCIA: PREFEITURA RECUA

Marcel respondeu indagação sobre a vinculação de chamadas de novos concursos a Reforma da Previdência dos serivdores municipais paulistanos. Citou que deverão serem apresentados alguns Projetos para alteração da Previdência, além da Previdência Complementar (Sampaprev), mas que isso ainda está em estudos não finalizados.

Mas antes disso deverão serem realizadas convocações e nomeações dadas as urgências em diversas áreas da municipalidade. Com isso recua-se da posição apresentada pelo Secretário de Gestão Paulo Uebel, que na Audiência Pública da Câmara Municipal de 31 de outubro tinha buscado atrelar as chamadas às mudanças a serem encaminhadas para alteração da Previdência.

Novamente denota-se falta de Planejamento dentro da Secretaria. 

 

CONCURSO DE ACESSO: UM ALENTO EM MEIO A TANTA FALA REQUENTADA

Dentro da total falta de cronogramas e calendários durante a reunião a única fala positiva e efetiva quanto a chamada de Concursados foi justamente a do Concurso de Acesso para Diretores de Escola e Supervisores Escolares. O Assessor Marcel informou que a Autorização de chamada de Diretores de Escola e Supervisores Escolares já está em vias de ser publicada no Diário Oficial da Cidade.

Acompanhamento realizado pela Assessoria Juridica do SINESP indica que  a autorização desde setembro tem tramitado por diversas Secretarias e entrou esta semana na Secretaria do Governo Municipal, último estágio antes da publicação. Tão logo seja publicada a autorização será cobrada a Secretaria Municipal de Educação para que mantenha o compromisso de imediata chamada e nomeação dos convocados, como foi reafirmado na Reunião Setorial da Educação do dia 27 de novembro de 2017. 

O SINESP manterá sempre a defesa do Concurso Público e estará presente para reivindicar o cumprimento do provimento dos cargos da Educação por meio das chamadas dos Concursos e na luta pela realização de outros concursos como o de Coordenador Pedagógico. 

    
 
  

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar