Celebração da diferença e do respeito à diversidade humana ganha vida com lançamento de livro apoiado pelo SINESP

Destaque
TIPOGRAFIA

Falta inclusão, mostra o Retrato da Rede!

Uma noite diferente. Os postos não tinham combustível. Poucos ônibus circulavam. E mesmo assim um grande e emocionado público prestigiou o lançamento do livro “somos todos deficientes: só nos completamos no outro e no mundo”.

LancamentoLivroPaulo Site 1

Ele traz 21 histórias reais de 16 educadores da rede municipal (supervisores, diretores, coordenadores e professores) que tem ou tiveram filhos com deficiência, e 5 pais que tem ou tiveram filhos com necessidades educacionais especiais na mesma rede.

LancamentoLivroPaulo Site Autores

LancamentoLivroPaulo Site 2Enquanto os caminhoneiros mostravam que bloqueios em rodovias e paralisação de uma única categoria podem parar o país, uma narrativa pessoal e necessária vinha à luz.

Assistiram ao lançamento as pessoas e famílias que relatam no livro suas emoções, expectativas, sonhos e frustrações. Que compartilharam seus desafios, dúvidas e dificuldades na batalha diária por direito a educação, saúde, atenção e o respeito que merecem pessoas que são apenas diferentes do padrão social.

Também estavam lá muitos educadores da rede municipal e amigos da luta pela inclusão de pessoas com necessidades educacionais (e outras) especiais.

LancamentoLivroPaulo Site BeneE lá estava o SINESP. Que mereceu um agradecimento especial do diretor de escola Paulo Silvio Ferreira, filiado e representante do Sindicato no local de trabalho.

Paulo escreveu seu relato, procurou e incentivou pessoas e famílias a abrirem seus corações e contarem suas histórias, organizou o livro e batalhou para vê-lo impresso e lançado nessa noite diferente de 24 de maio de 2018, no acolhedor Círculo dos Trabalhadores Cristãos, na Vila Prudente.

E teve no SINESP um parceiro sensível e prestativo. Como disse sua vice-presidente, Maria Benedita “Benê” de Castro de Andrade, na abertura, o Sindicato abraçou o projeto assim que o conheceu e ajudou, com dedicação e orgulho, a trazê-lo à luz.

Sua Diretoria reconheceu nele uma importante iniciativa vinda da categoria. Ao mostrar um recorte da política pública para a educação a partir do olhar de quem vive sua dramaticidade no dia a dia, o projeto sensibilizou a todos.

Inclusão, uma bandeira de luta do SINESP

Também participaram dessa noite especialmente diferente as dirigentes Norma Lucia de Andrade e Egle Prescher Iaconeli. Além do presidente do SINESP, Luiz Carlos Ghilardi, que falou a todos sobre a importância da luta pela inclusão e a preocupação do Sindicato com ela.

Veja AQUI vídeo com as falas de Paulo, Benê e Luiz.

A pesquisa anual realizada pelo SINESP, nomeada de RETRATO DA REDE, evidencia a preocupação do SINESP com as questões da vida profissional e a condição humana de nossa categoria.

Essa pesquisa mostra, há mais de uma década, que as políticas de inclusão e atendimento aos educandos com necessidades educacionais especiais não recebem o empenho pedagógico e financeiro que exigem por parte do poder público.

LancamentoLivroPaulo Site 3Luiz lembrou que, apesar do aumento do número de escolas que atendem educandos com deficiências, desde 2012, uma média de 60% dos gestores entrevistados critica a ausência de apoio governamental nessa área. As duas principais críticas são a ausência de Auxiliares de Vida Escolar – AVE (32,7%) e falta de atendimento médico multidisciplinar (29%).

“Muitas escolas não estão até hoje adaptadas para receber cadeirantes, não têm elevador e rampas. A formação oferecida aos educadores não é suficiente para a realização de um trabalho de LancamentoLivroPaulo Site 4excelência. As histórias que compõem esse livro mostram que os números trazidos pelo Retrato da Rede são uma realidade”, completou Luiz.

E finalizou com um chamado à luta junto com o Sindicato: “não estamos e nem estaremos conformados com a atual situação. Chamamos todos a nos unirmos em luta para chegar a 100% de atendimento satisfatório a todas as crianças que apresentam necessidades especiais. O SINESP estará sempre pronto a denunciar, exigir e lutar pela inclusão com qualidade a que nossas crianças têm direito, e o apoio emocionado e entusiasmado à impressão e ao lançamento desse livro é uma prova disso”.

LancamentoLivroPaulo Site PernadePau

LancamentoLivroPaulo Site 5

LancamentoLivroPaulo Site 6

LancamentoLivroPaulo Site 7

LancamentoLivroPaulo Site 8

LancamentoLivroPaulo Site 9

LancamentoLivroPaulo Site 10

LancamentoLivroPaulo Site 11 

 LancamentoLivroPaulo Site 12

 LancamentoLivroPaulo Site 13

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar